19 Sep 2008

can you spell it (i)


Portanto .. segundo um estudo levado a cabo por duas reputadas faculdades norte-americanas cujos nomes não retive, temos nova descoberta para explicar, desmistificar e desculpar comportamentos ditos agressivos. Afinal os dedos compridos, chamados de pianista, pautados por uma unha fina e longa não significam que a pessoa a quem pertencem seja .. agressiva. Esta particularidade quer unicamente dizer que essa pessoa tem mais propensão para exercício físico (?). Confesso que fiquei descansada .. ;)

Por outro lado, continua o mesmo estudo reputadíssimo, nos homens, os dedos curtos e grossos, normalmente apanágio de pouca estatura e alguma calvície (o que é que uma coisa tem a ver com a outra é a pergunta que se impõe..) significam "naturalmente" tendências violentas que não se expressam propriamente no chamado “andar à pancada” (provavelmente porque além de "violentos", baixos e calvos, são sensatos.. ) mas sim numa violência verbal e de atitudes como o perder rapidamente a paciência perante uma situação que o não justifique, alguma rispidez exagerada no trato..etc., etc., etc., que as conclusões são imensas .. as tais dos especialistas que a isto se dedicaram lá pelas notórias faculdades norte-americanas. Já estou mesmo a ver a quantidade de desculpas que se articularão a partir disto. E não estou a referir-me às articulações dos dedos dos desgraçados ora catalogados.

Ora bem, isto traz-me assim de repente um problema que não sei como resolver: eu que quando converso, discuto ou simplesmente oiço, gosto de me fixar nos olhos do meu interlocutor – coisa que já por diversas vezes me disseram que é desconfortável .. ;) – vou ter agora que me concentrar no tamanho dos dedos? .. conversar com alguém a olhar-lhe as mãos e esmorecer a conversa assim que me aperceba estar na presença de um "violento" embrionário? Ou por outro lado alimentar o diálogo assim constate que sairemos dali directamente para um sala de música com direito a piano de cauda?

Coisa cansativa esta que os eméritos “atiraram” agora cá para fora ..

;)