12 Sep 2008

crescendo (i)

A princesa arruma a mochila, tudo espalhado em cima da cama, profusão de canetas, lápis, borracha e afia, folhas quadriculadas e pautadas, dossier, cartolina e livros, tantos livros, imensos livros, credo! Vamos brincando com o inicio do 6º ano .. com o difícil que foi o principio do 5º ! A mãe arranja a desculpa para mais dois dias de férias e ela torna que este ano não é preciso ir almoçar com ela todos os dias mas que ainda assim gostava que a fosse buscar nos dois primeiros. Os telefonemas das amigas não param, combinam o local onde 2ª feira esperarão umas pelas outras, em que intervalo vão comprar a senha para o almoço e até o que levam vestido! Nossa Senhora ..! exclamo .. no ano passado daria tudo para te ter assim por esta altura, rio.
Eu cresci mummy não foi? responde-me, abraçando-me, de sorriso travesso.

Cresceu sim.
E como relatei na altura, cheia de pormenores, bem a meu jeito .. crescer custa.
Não adianta fazer de conta que não. Nem tão pouco, diz-me a minha experiência, adianta desvalorizar de sobremaneira. As crianças têm de sentir-se apoiadas para conseguirem superar o que as aflige. E esse apoio tem, no meu ponto de vista, de passar pela conversa. Sentindo-se à vontade para “contar” estão a resolver metade do problema que têm, enfrentando-o.
Pode até haver outras soluções mais drásticas, menos trabalhosas ..

Que seja um excelente ano, minha filha, este que agora começa .. * ainda crescendo, sempre crescendo.


Desejo-vos um bom fim de semana .. por aqui estaremos fora até 4ª ;) ou talvez não que o técnico da zon vai pespegar-se hoje lá em casa para me explicar tudinho sobre as ligações da nova peça de mobília * espero que seja uma pessoa mais paciente do que eu ;)