18 Sep 2008

crescendo (ii)

A família vai crescer e para o ano, por esta altura, teremos mais uma garota a tentar andar e a palrar em grande, assim saia a todos os membros mais novos desta família que por vezes mais parece de latinos puros e duros em vez de termos cada um costelas várias daquelas mais frias e serenas :) Eu disse aos mais novos? .. e os mais velhos são todos sossegados? Queriam .. ;)

Mais uma garota, mais uma sobrinha!
Finalmente uma prima exclama a princesa contente e feliz que ama os primos de paixão mas uma menina é uma menina mãe, e podemos fazer outras coisas! Com a diferença de idades que se avizinha eu vou querer ver que coisas são essas ;)
Mais uma menina. Mais uma sobrinha. Mais uma neta. A filha do irmão, o mais velho dos rapazes, arredio a estas coisas de crianças, limitando-se até agora ao papel de Tio cómico e bem disposto e sempre disponível, bem mais fácil que o de Pai educador e igualmente bem disposto e sempre disponível ;) Mais uma menina para a família. Somos quatro irmãos, serão dentro de dias, quatro os netos, na mesma cadência, meninas às pontas, rapazes no meio. Há coincidências engraçadas e esta é uma que não reconheço em outra família.

Mais uma vida.
Acarinhá-la, mimá-la, vê-la crescer feliz no seio de quem lhe quer bem.
Educá-la, ampará-la, entendê-la.
E para o ano, deliciar-me com mais uma cadeira no carro, mais uma fita, mais um banho de mar, mais um sono sereno de sorriso nos lábios.

Sê bem-vinda minha querida, esta tua tia está desejosa de poder embalar-te :)