13 Jan 2009

história .. Gaza .. Gaze em Faixa, Curativo!

Ou: quem foi que a ensinou a pensar assim que não me lembro de ter sido eu.
Ou ainda: de como a lógica infantil se perde no adulto sem que nada de tão lógico se adquira, entretanto .. ;)

A princesa acompanha-me nas notícias. Lembro-me de há uns tempos evitar vê-las na sua companhia até começar a ser questionada sobre acontecimentos que não presenciava comigo. De que ouvia falar na escola, aos colegas ou professores. Inverti a marcha e passei a assistir ao telejornal com ela. Não que a atenção lhe seja concentrada no écran onde os pivots se esforçam por no-la captar, mas vai ouvindo, fazendo perguntas, pedindo explicações.
Nos últimos dias o conflito em Gaza consome-lhe a preocupação. Temos um grande amigo que lá esteve destacado, pergunta invariavelmente se ainda lá está, na certeza da minha resposta: já não, felizmente. (pois não?) ;)
Ouve atentamente as explicações do jornalista, acompanha o percurso da Márcia sem deixar de referir que ela corre perigo de vida. Há dias, após mais uma reportagem sobre o assunto, diz-me de repente “já sei porque não se entendem, mummy.” .. Hum, penso, será? Explique lá Miss Diplomatic atiro-lhe enquanto me entretenho a dobrar a roupa.
Sabes o que estou a dar em História Mãe? pergunta levando-me a temer que tenho pela frente uma ida ao Porto para chegar ao Algarve, isto partindo de Lisboa, claro.
D. João VI? arrisco, convencida de ter lido qualquer coisa num sumário no outro dia. Sim, mas não é sobre ele .., continua. Estou a dar as Cortes Constituintes Mãe, e a 1ª Constituição Portuguesa feita a partir dos ideais liberais. Sorrio. Lembro-me perfeitamente dessa parte da nossa história. A influência da Revolução Francesa, os grandes princípios da monarquia constitucional. Olho-a .. sim, e? .. Mãe, os princípios eram: Soberania da Nação, Igualdade, Liberdade, Fraternidade e Separação de Poderes. E o Rei assinou concordando!
.. Tens de rever aí qualquer coisa parece-me. Estás a misturar os princípios do liberalismo com os artigos da 1ª constituição, mas no geral é isso mesmo. E agora como explicas que .. ?
.. Israel e a Palestina já existiam em 1822 não já Mãe?

Alguém lhe tire o livro de história da mão s.f.f.. e depressa ou a desilusão será ainda maior quando se aperceber que não temos emenda. Raios!