9 Mar 2009

thinking (vii)

A ânsia é inimiga da ponderação (II)

Exemplo segundo:

Na correria de interpretar as letras procurando o aplauso fácil que diariamente recebia, nem percebeu, coitada, que desta vez, imagine-se, não era da própria que se falava.