13 Jul 2009

"Mas comigo mesma é que eu queria não ser obrigada a mentir.
Senão, o que me resta?
A verdade é o resíduo final de todas as coisas, e no meu inconsciente está a verdade que é a mesma do mundo. A Lua é, como diria Paul Éluard, éclatante de silence"
--
--
Mais? :)
..
..
No fantástico trabalho que Patrícia Lino continua a desenvolver sobre Clarice Lispector!