9 Feb 2010

..suspiro

_
Recordo uma velha, muito velha.
Uma velha de mãos brancas e finas percorridas por estradas azuis.
Umas escuras, outras claras.
Recordo essa velha sentada nos degraus da escada de madeira de nossa casa.
Uma velha que me contava histórias de embalar, ainda que de olhos bem abertos, e me fazia prometer que seria feliz.
_
(Que será feito dela?)
_